15 novembro 2008

Chamada de atenção


No dia em que mais uns milhares de professores (os não-alinhados com os sindicatos) se manifestaram em Lisboa e em que os inspectores do Ministério da Educação vieram dizer que este modelo de avaliação é inexequível, chamo a atenção para este post.

2 comentários:

Joaninha disse...

Muito bom post.

Beijos

PS: Já se resolveu o problema da água?

Espero que sim

Joaquim Simões disse...

Joaninha:
Entre trabalho de canalizador e pedreiro e conta da água paga ao preço de rotura: aí pelos €1800.