25 dezembro 2010

Porque é Natal

Nicolau Saião, Anunciação



Nicolau Saião, Um Natal de Natal

3 comentários:

Nausícaa, São Paulo, Brasil disse...

O Natal convida-nos para a prática da solidariedade, e eu estou transbordante de solidariedade, mas tão transbordante, que estou feliz com o estouro do cano do ralo da cozinha da vizinha do 2º andar, no dia 24 pela manhã, e que, até hoje, dia 26, o encanador já avisou que também não virá hoje!

Solidariamente, resolveu-se fechar a válvula da entrada de água de toda a coluna da cozinha dos apartamentos da frente de cima abaixo, incluindo o meu. Assim onze famílias expressam sua solidariedade com a família de nossa cara vizinha, a qual, aliás, viajou no próprio dia 24!! Uma graça de mulher!

Solidariamente, então, hoje, eu resolvi participar da circulação de moeda corrente almoçando e jantando nos restaurantes de nossa região. Não privando, ao menos, meu marido do meu cafezinho fresco.

Enfim, um feliz natal!

Joaquim Simões disse...

E, Nausícaa, fez muito bem! Primeiro, porque não teve que se preocupar com refeições (oh! suprema aspiração periódica de uma multidão de mulheres!). Depois, porque o seu marido não ficou (oh! horrível privação!)sem um confortante cafezinho.
Com alguma inveja minha à mistura, Bom Natal para vocês também! É que aqui estão (brrr!) 7 graus...

Nausícaa, São Paulo, Brasil disse...

Para encerrar meu desabafo: hoje presenteei os vizinhos do 2º andar com um pequeno vaso de flores e minhas sinceras desculpas. Foi a oportunidade para conhecermo-nos - Sr. Adalberto e sua empregada, dona Emília. A mulher cheia de graça não existe, e esses dois não viajaram, mas estavam a xingar-me muito, pois continuei usando a pia, ainda na véspera do natal. Enfim, um verdadeiro espírito natalino aproximou-nos. Amém.