04 fevereiro 2011

Receitas para restos de governação - 2

Pegue um governo na sua capacidade para impor leis e junte-lhe a incapacidade dos serviços públicos para dar seguimento a milhares e milhares de pedidos de emissão de documentos num curto espaço de tempo. Misture muito bem estes dois ingredientes e acrescente-lhes as verbas que entraram nos cofres devido a esses pedidos. Depois, recolha aquelas que resultaram da falta dos referidos documentos nas datas estabelecidas. E terá um lindo bolinho.
Lembrei-me disto quando ouvi dizer que todos os pais de menores devem requerer os respectivos NIF's, para que as despesas que se lhes referem possam entrar no IRS deste ano, já em Abril ou mesmo ainda em Março.

2 comentários:

Anónimo disse...

Mais, agora todos os nasciturnos têm de ter logo esse importante documento.
Este engenheiroministro não deixa nada ao acaso, é um tipo que gostaríamos de detestar, se calhar até desprezar mas que acabamos por admirar (ohhhh!) por ser tão competente e ter tanto valor e rubor e...
Mas cala-te boca!
n.

Joaquim Simões disse...

n.:
Abra-se boca, que aquilo que o engº quer é que ela se feche.